Ter. Dez 7th, 2021
Notícia e foto recolhidas da Agência Ecclesia

Jardim central da freguesia da Gafanha do Carmo vai ter nome do «padre das prisões»

O município de Ílhavo, na diocese de Aveiro, vai homenagear o padre João Gonçalves na toponímia da cidade, dando o nome do sacerdote falecido em dezembro de 2020 ao jardim central da freguesia da Gafanha do Carmo.

A decisão foi aprovada pela autarquia numa reunião recente homenageando desta forma, o padre, natural daquela freguesia, localidade onde está sepultado.

Natural da Gafanha do Carmo, onde nasceu a 28 de março de 1944, João Gonçalves foi ordenado por D. Manuel de Almeida Trindade a 21 de dezembro de 1969, na Sé de Aveiro.

Entre outros serviços, foi o coordenador nacional da Pastoral Penitenciária, um setor onde trabalhou durante mais de 40 anos.

Em 2018, foi apresentada a obra ‘O padre das prisões portuguesas – ensaio baseado na vida do padre João Gonçalves’, da autoria de Inês Leitão, que dirigiu um documentário sobre a vida do sacerdote.

“Com este gesto a Câmara de Ílhavo dá o sinal de reconhecimento pela obra social e diz que fomenta o interesse nos mais novos para perceberem que legado deixam figuras como o Padre João Gonçalves”, pode ler-se na notícia da rádio Terra Nova.

LS